domingo, 6 de junho de 2010

Conselheiro matrimonial sugere traição para «salvar» casamento

Casal decidiu processar o terapeuta em 6,5 milhões de euros pelos danos causados

 Um casal norte-americano decidiu processar o seu conselheiro matrimonial, exigindo-lhe 6,5 milhões de euros, por este aconselhar o esposo a trair a mulher como forma de «salvar» o casamento, avança o «New York Post».


De acordo com o casal, Jeffrey Mechanic considerou que a esposa de Guido Venitucci não conseguiria ser uma boa mulher, tendo incentivado Guido a encontrar o prazer noutras camas.

O conselho foi seguido à risca, mas não tardou para que os remorsos viessem à tona.

Depois de dez anos de casamento, o casal quase se separou.

A última tentativa para manter os laços matrimoniais foi feita sem conselheiros e ao que parece está a correr muito melhor e ainda lhes pode dar lucro.
: