sexta-feira, 10 de setembro de 2010

FORAM IDENTIFICADOS GENES DO CANCRO DOS OVÁRIOS

ESTES GENES DESEMPENHAM UM PAPEL APARENTEMENTE CHAVE NO CANCRO DOS OVÁRIOS

Investigadores norte-americanos descobriram que o cancro dos ovários pode estar relacionado com as mutações de dois genes que identificaram.
Os investigadores identificaram dois genes cujas mutações parecem ligadas a uma das formas mais agressivas do cancro dos ovários , geralmente resistentes às terapias standard, revela estudo.
Estes genes, denominados ARID1A e PPP2R1A, desempenham um papel aparentemente chave no cancro hipernefroma dos ovários, que representa 10% a 12% destes tumores e é um dos mais mortíferos, esclarecem os autores do estudo divulgado na versão na Internet da revista norte-americana Science .
Mutações do gene ARID1A foram detetadas em mais de metade dos tumores estudados, referiu Siân Jones, investigador do centro Kimmel do Cancro, da Universidade Johns Hopkins (Maryland) e um dos coautores da descoberta.
Os dois genes não estavam anteriormente ligados ao cancro dos ovários, sublinham os investigadores, adiantando ter detetado em média 20 mutações genéticas em cada tumor dos ovários estudado.
Esta descoberta "poderá talvez permitir o desenvolvimento de novos marcadores biológicos tumorais e novas terapias visando os dois genes", explicou Nickolas Papadopoulos, professor adjunto de oncologia no centro Kimmel do Cancro.
  - Expresso-Online -